Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A cabala está montada

por contrário, em 24.11.14

Desde que este governo tomou posse que se percebeu que, a já débil democracia portuguesa, seria posta de lado para dar lugar a um regime ditatorial moderno.

 

Trata-se de um regime ditatorial que permite a toda a gente dizer o que quer e o que pensa, permite manifestações e palavras de ordem, mas no final quem manda é quem está no poder. E quem está no poder manda em tudo, inclusive na Justiça. Recordar-se-ão das célebres palavras da ministra da justiça, que disse: "basta de impunidade". Nesse mesmo momento eu comecei a ver o filme todo e até antevi aquilo que se está a passar agora, ou seja, a detenção de José Sócrates. Certamente também se lembram das várias tentativas de entalar o anterior Primeiro-Ministro, algo que nunca ficou provado, mas agora que "basta de impunidade", a coisa está a funcionar. Será?

 

Hoje, o sr. dr. fanfarrão juiz Carlos Alexandre determinou a prisão preventiva de José Sócrates. Este é o juiz que espelha e quer fazer jus às antigas palavras da ministra da justiça, repito: "basta de impunidade". Este juiz é o mesmo das investigações "Monte Branco", "Furacão", "Face Oculta", "Portucale", "Remédio Santo", "Vistos Gold" (ainda se lembram?), "Caso BES" e "BPN", sim é verdade, o mesmo juiz do célebre e jamais esquecido caso "BPN". Mas, por incrível que pareça, só o caso "Face Oculta" produziu culpados, tudo gente que a tríade instalada tentou enlaçar ao Partido Socialista e, em particular a José Sócrates.

 

Finalmente, a tríade conseguiu entalar José Sócrates, depois de tantas tentativas frustradas. Mesmo que nada se venha a provar, o maior mal e aquele que a tríade sempre quis e não conseguiu até agora, já está feito. Sócrates está definitivamente morto politicamente. E até mesmo antes de ser condenado, já estão a tentar enlaçar novamente o PS na jogada, com o único objectivo de perpetuar a tríade ditatorial moderna que se instalou na sociedade portuguesa.

 

Eu sou o primeiro a exigir que se faça justiça neste país, doa a quem doer. O que eu não suporto é uma justiça selectiva.

 

Gostaria de perguntar ao sr. dr. juiz Carlos Alexandre onde estão os detidos do caso BPN, por exemplo? Não sei se será porque este caso não ter suspeitos ligados ao Partido Socialista, apenas do PSD (e não são poucos), ou se pelo facto de se tratar de corrupção, branqueamento de capitais e fuga aos impostos em valores astronómicos que, provavelmente a cabecinha do sr. juiz terá dado nó. Deve ter sido isso...

 

Justiça sim, mas para todos! Eu não acredito numa justiça que actua para alguns, mas que deixa os outros à boa vida.

 

Há por aí muita gente entusiasmada com o estado actual da justiça em Portugal, para esses eu deixo apenas meia dúzia de palavras para reflexão: Cavaco Silva, Dias Loureiro, Oliveira e Costa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A dona disto tudo?!

por contrário, em 19.11.14

A Isabel dos Santos quer ser a dona disto tudo. Filha do dono de Angola, tem uma missão muito clara na sua vida, que é lavar a maior quantidade de dinheiro (que o papá lhe entrega) possível e assim perpetuar a fortuna da família dos Santos.

 

José Eduardo dos Santos é Presidente de Angola vai para 35 anos... um verdadeiro exemplo de Democracia. Mas mais exemplar é o sistema unitário que implementou ao longo de décadas, à custa de muito sangue. Afinal, o lema de Angola é "a unidade dá força", pelo que um país que se subjuga ao poder unitário de uma só família não pode fazer mais pelo seu lema. Ah! Povo valente!

 

Isabel dos Santos já "investe" (chamemos-lhe assim) em Portugal há muitos anos e sabe escolher bem os seus parceiros de negócio. Ele são bancos, o Banco Português de Investimento, o Banco BIC Português, que não é mais do que um banco privado angolano (criado com capitais públicos angolanos), é também o banco que comprou o BPN. Lembram-se do BPN? Claro que sim. A ministra da justiça e os tribunais também se lembram, com toda a certeza. E já que falamos no BIC, podemos recordar que quem preside ao banco é uma cara conhecida dos portugueses, o Sr. Mira Amaral. E porquê referir Mira Amaral? Porque foi um dos ministros de Cavaco Silva? Também, é sempre bom lembrar e vincar bem a relação e o alcance da teia. Mas também porque este senhor já foi administrador do BPI que, agora, a mando da senhora que pretende ser dona disto tudo e que também manda no BIC - Isabel dos Santos, pretende comprar o Novo Banco (a chicha boa do BES). 

 

Além de bancos, temos a senhora Isabel dos Santos na Galp Energia, na NOS (que quer comprar a PT), entre outras.

 

Portanto, é claro que Isabel dos Santos pretende ser a dona disto tudo. E enquanto tivermos um bando de governantes corruptos, quer deste lado quer do lado da antiga colónia, a coisa vai bem encaminhada. Ontem mesmo, o dono de Angola, José Eduardo dos Santos, voltou a usar o seu pasquim de campanha, vulgo Jornal de Angola, para desprezar e insultar Portugal e os portugueses. Quando um Presidente de um país sente necessidade de escrever contra outro país a quem muito deve, e sente necessidade de defender e proteger as negociatas que incumbiu à sua filha e, ao mesmo tempo, não perde a oportunidade de elogiar os dois mais ricos empresários portugueses... está tudo explicado.

 

Sr. Eduardo dos Santos, esteja descansado, não se irrite com coisas menores que ainda lhe dá uma coisinha má. O senhor sabe que tem aqui um Presidente amigo que jamais o deixará ficar mal. Sabe também que tem aqui um governo que tudo fará para que as manobras da sua filha querida cheguem a bom porto. Tem ainda uma meia dúzia de empresários que se dizem ser os maiores da aldeia, mas que estão mortinhos por serem os testas de ferro de qualquer negócio que sua excelência lhes deseje impor. Portanto, continue a enviar a sua querida filhinha para cá, porque nós já sabemos que ela é do tipo de aranha que gosta de caçar em teias bem montadas, assim como o senhor é uma ratazana que gosta de permanecer na escuridão do esgoto.

 

Ai que saudades do Jonas e da verdadeira União Nacional...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Não! Aquilo não era só cerveja.

por contrário, em 08.11.14

Pires de Lima nunca me enganou. Sempre aqui o apelidei de ministro cervejolas e acho que toda a gente percebe porquê.

 

Directo ao assunto, esta quinta-feira, Pires de Lima resolveu mostrar ao país tal e qual como é. A forma ridícula como proferiu várias frases do seu penoso discurso, demonstrou a elevação com que está na política e na vida. Sinceramente, a mim não me surpreendeu, pois sem bem donde esta gente é expelida, mas não deixei de sentir o meu estômago revirado ao ver e, sobretudo, ouvir aquele rabosano a falar.

 

É preciso muita lata, muita bilha para fazer aquela figurinha em plena Assembleia da República. Mas uma coisa vos garanto, aquilo não era só cerveja.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D