Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

A cabala está montada

Desde que este governo tomou posse que se percebeu que, a já débil democracia portuguesa, seria posta de lado para dar lugar a um regime ditatorial moderno.

 

Trata-se de um regime ditatorial que permite a toda a gente dizer o que quer e o que pensa, permite manifestações e palavras de ordem, mas no final quem manda é quem está no poder. E quem está no poder manda em tudo, inclusive na Justiça. Recordar-se-ão das célebres palavras da ministra da justiça, que disse: "basta de impunidade". Nesse mesmo momento eu comecei a ver o filme todo e até antevi aquilo que se está a passar agora, ou seja, a detenção de José Sócrates. Certamente também se lembram das várias tentativas de entalar o anterior Primeiro-Ministro, algo que nunca ficou provado, mas agora que "basta de impunidade", a coisa está a funcionar. Será?

 

Hoje, o sr. dr. fanfarrão juiz Carlos Alexandre determinou a prisão preventiva de José Sócrates. Este é o juiz que espelha e quer fazer jus às antigas palavras da ministra da justiça, repito: "basta de impunidade". Este juiz é o mesmo das investigações "Monte Branco", "Furacão", "Face Oculta", "Portucale", "Remédio Santo", "Vistos Gold" (ainda se lembram?), "Caso BES" e "BPN", sim é verdade, o mesmo juiz do célebre e jamais esquecido caso "BPN". Mas, por incrível que pareça, só o caso "Face Oculta" produziu culpados, tudo gente que a tríade instalada tentou enlaçar ao Partido Socialista e, em particular a José Sócrates.

 

Finalmente, a tríade conseguiu entalar José Sócrates, depois de tantas tentativas frustradas. Mesmo que nada se venha a provar, o maior mal e aquele que a tríade sempre quis e não conseguiu até agora, já está feito. Sócrates está definitivamente morto politicamente. E até mesmo antes de ser condenado, já estão a tentar enlaçar novamente o PS na jogada, com o único objectivo de perpetuar a tríade ditatorial moderna que se instalou na sociedade portuguesa.

 

Eu sou o primeiro a exigir que se faça justiça neste país, doa a quem doer. O que eu não suporto é uma justiça selectiva.

 

Gostaria de perguntar ao sr. dr. juiz Carlos Alexandre onde estão os detidos do caso BPN, por exemplo? Não sei se será porque este caso não ter suspeitos ligados ao Partido Socialista, apenas do PSD (e não são poucos), ou se pelo facto de se tratar de corrupção, branqueamento de capitais e fuga aos impostos em valores astronómicos que, provavelmente a cabecinha do sr. juiz terá dado nó. Deve ter sido isso...

 

Justiça sim, mas para todos! Eu não acredito numa justiça que actua para alguns, mas que deixa os outros à boa vida.

 

Há por aí muita gente entusiasmada com o estado actual da justiça em Portugal, para esses eu deixo apenas meia dúzia de palavras para reflexão: Cavaco Silva, Dias Loureiro, Oliveira e Costa.