Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

A habitual hipocrisia de Cavaco Silva

Ontem, Cavaco Silva recebeu 3 funcionários da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim no Palácio de Belém, para enaltecer o facto de terem devolvido mais de 4 mil euros a uma instituição bancária. De facto, quem devolve dinheiro a bancos deveria ter direito a uma estátua numa praça  e uma boa comenda, ou então não...

 

Recordemos que há não muito tempo atrás, estes 3 trabalhadores do município da Póvoa de Varzim, que trabalham na separação de lixo num ecocentro, encontraram um envelope contendo mais de 4 mil euros que haviam sido depositados numa dependência bancária e mais uns cheques que, por engano foram parar ao caixote do lixo e, posteriormente, às mãos dos 3 funcionários do ecocentro.

 

O gesto de devolver o dinheiro é muito bonito, ainda que, estejamos a falar de dinheiro de um banco e não de uma pessoa. Uma vez depositado, teria que ser o banco a responsabilizar-se pelo desaparecimento deste dinheiro. E, sabendo nós que os bancos raramente se responsabilizam pelo desaparecimento do dinheiro que lá vai parar, ninguém poderia criticar estes senhores, caso não tivessem devolvido o dinheiro. Mas isso está na consciência de cada um. A atitude é deveras nobre.

 

O que realmente não me surpreende é a atitude de Cavaco Silva, que resolveu receber estes senhores no Palácio de Belém para "elogiar" a nobreza do gesto. Cavaco referiu que "o gesto merecia ser enaltecido e conhecido por todos os portugueses". Disse ainda que era "muito dinheiro", "quase 10 meses de salário de cada um deles". Ora, para Cavaco Silva, mensurar dinheiro é algo muito subjectivo. Cavaco acha que 4 mil euros é "muito dinheiro", contudo, segundo o próprio, as suas reformas que chegam a atingir (mensalmente) 3 vezes mais que este montante é dinheiro que não chega sequer para pagar as suas despesas (palavras dele próprio). 

 

Cavaco disse que os portugueses deveriam tomar conhecimento deste gesto bonito. Porquê? Para o tomarem com exemplo? Será que Cavaco Silva vai interiorizar este exemplo e devolver a volumosa quantidade de dinheiro do BPN/SLN que lhe foi parar às mãos?

 

E, já agora, aproveitou para condecorar estes senhores? Ou será que as condecorações são só para aqueles que sabem fazer desaparecer dinheiro, como Zeinal Bava?

 

Eu, ao contrário da justiça portuguesa, tenho sempre muitas perguntas para fazer a Cavaco Silva e aqui fica só mais uma:

 

Será que estes senhores terão que nascer duas vezes para serem tão honestos como Cavaco Silva?

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.