Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Este governo é asqueroso!

O Tribunal Constitucional chumbou 3 das 4 medidas que haviam sido submetidas para fiscalização sucessiva. É a oitava vez que o TC chumba medidas que constam nos Orçamentos de Estado apresentados pelo actual governo. Portanto, 3 Orçamentos de Estado apresentados, nenhum limpo. Eu acredito que a primeira vez foi mesmo por incompetência e ignorância, mas as seguintes foram puramente estratégicas. Este governo tem vindo a usar o TC para justificar as medidas que acaba por implementar, tentando passar a imagem de que só o faz porque o TC assim obriga. Será que alguém compra esta burragem?

 

À semelhança do que aconteceu anteriormente, Passos Coelho já veio afirmar que a situação é complicada e que não haverá uma solução simples. Portanto, teremos novo aumento de impostos, mesmo com a almofada financeira que o governo diz que tem e tanto gosta de apregoar.

 

Portas disse, durante o fim-de-semana, que está a ler calmamente o acórdão do TC, mas já adiantou que as consequências do chumbo serão sérias. Entretanto, também referiu que pediu a opinião de especialistas sobre o acórdão, visto não ser um expert na matéria. Ele não quis dizer quem, mas eu sei de fonte segura que um dos especialistas é o Quim Barreiros - o maior especialista em acórdãos de Portugal.

 

Hoje, no conselho nacional do seu partido, Portas voltou à carga dizendo que o chumbo do TC é demasiado penalizador para os portugueses, chegando a afirmar que o TC está a condenar os portugueses a uma "espécie de escravidão fiscal". Portas – o n.º 2 – foi ainda mais longe, pedindo ao TC que clarifique o seu pensamento, considerando que a sua decisão impede a redução do défice, sugere o aumento de impostos e impede que se faça a reforma do Estado. Santa lata a deste Portas! Se tivesse lido a Constituição uma vez que fosse, talvez percebesse o pensamento do TC.

 

A ministra das finanças também veio dizer que o chumbo do TC terá significativos impactos e que o governo necessitará de tempo para ponderar as medidas a tomar.

 

O porta-voz do PSD, Marco António Costa, também aproveitou a onda para palpitar sobre o assunto, dizendo que o TC invadiu o campo do legislador, reiterando as anteriores alarvidades ditas pelos seus compinchas.

 

Mas que cambada de busanos. Devem achar que as mentiras ditas muitas vezes tornar-se-ão verdade.

 

A verdade é que este governo é incompetente porque nunca foi capaz de tomar uma decisão sustentanda numa estratégia política. É um governo mentiroso porque tem feito o contrário do que prometeu. É manhoso porque recorre sempre as esquemas ardilosos para justificar as suas pervertidas políticas. E a dívida continua a subir...

 

É um governo verdadeiramente asqueroso!

 

P.S. Onde anda aquele a quem chamam de Presidente da República? Aquele que não pediu a fiscalização preventiva (nem sucessiva) das medidas agora chumbadas... Deve andar a tirar umas selfies com os jogadores da selecção nacional.