Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Fantasias de Natal de Passos Coelho

Na sua ÚLTIMA mensagem de Natal, Passos Coelho disse que "os portugueses não terão acumulação de núvens negras", que "o poder de compra dos portugueses aumentará em 2015", que Portugal apresentou um "crescimento superior à média da União Europeia" que, como toda a gente sabe é igual a zero. Disse também que "Portugal está no bom caminho" e que a "execução orçamental do seu governo tem sido um sucesso".

 

Passos Coelho não fugiu nem um bocadinho à sua natureza. Mentiu, jogou com as palavras e com os factos e, apesar de se estar a lixar para as eleições, aproveitou a quadra natalícia para fazer aquilo que foi, é e será sempre a sua profissão: soldado de campanhas eleitorais.

 

Já muita gente manifestou a sua indignação para com as palavras ocas de Passos Coelho que, pela última vez teve a possibilidade de se dirigir aos portugueses na mensagem de Natal, enquanto Primeiro-Ministro. Graças a Deus!

 

Mas, será que alguém esperava que Passos Coelho abrisse a boca para dizer alguma verdade? Para apresentar alguma solução? Para dizer algo que não fosse um insulto à inteligência dos portugueses? Passos Coelho tem mentido desde o início. Ainda há quem se incomode com as suas mentiras meia-tijela?

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.