Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

O Brexit “assim” não tem solução

O Parlamento britânico está, há demasiado tempo, a viver uma situação de impasse em relação ao Brexit. Em 2016 apressaram-se a referendar a opção de abandonar a União Europeia, algo que se veio a confirmar com 51,9% dos votos a favor da saída. De facto, não foi uma diferença substancial entre o “leave” e o “remain”, mas as coisas são como são, por um voto se ganha, por um voto se perde.

 

Quase 3 anos após a escolha em referendo nota-se que a maioria dos britânicos, na realidade, não quer sair da União Europeia. Provavelmente nunca quiseram, a precipitação é que os levou a este imbróglio. Tudo isto se deve aos maus políticos, os de antes e os de agora, totalmente incompetentes para pôr a casa em ordem (Order!).

 

Então, porque é que o Brexit não tem solução? Por uma simples razão - os britânicos são demasiado arrogantes para voltar atrás numa decisão e reconhecer que se equivocaram quando puseram à consideração a hipótese de deixar a UE. Obviamente que para recuar na decisão é necessário um novo referendo, pois não me parece que uma decisão que foi referendada possa agora ser contrariada pelo poder político. Parece-me indiscutível que recuar na decisão, só por intermédio de um novo referendo, que eu acredito que, agora, teria um resultado bem diferente do primeiro.

 

Ora, neste momento, o Parlamento britânico não quer aceitar as condições de saída negociadas com Bruxelas, ao mesmo tempo que não quer uma saída sem acordo (no deal) e, ainda, não quer ouvir falar num segundo referendo ao Brexit.

 

Parece claro que aquilo que o Parlamento britânico realmente gostaria era que o tempo voltasse atrás e nunca ter levado a cabo a realização do primeiro referendo, muito menos ter considerado a hipótese de saída de UE. Mas como o tempo não volta atrás, está a vista de todos que com estes políticos o Brexit nunca terá solução.

 

Os meus parcos conhecimentos em política internacional dizem-me que a solução reside na queda do actual governo, em novas eleições e, consequentemente, num novo referendo ao Brexit.

 

A União Europeia espera? É claro que espera. Mas se fosse eu a mandar punha já uma pedra sobre o assunto e encerrava a discussão. Afinal, é o que todas as partes desejam mas não são capazes de admitir, muito menos concretizar. Além disso, aquilo que não tem solução solucionado está, não é verdade?

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.