Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

RAPIDINHA

"Offshore" é sinónimo de corrupção, mas não para quem governa

corrupção_offshores.jpg

O governo apresentou um plano de combate à corrupção. Um plano que não faz qualquer referência às contas offshore, para onde são surripiados milhares de milhões de euros. As contas offshore são o maior veículo de desvio de dinheiro. As contas offshore contam com o alto patrocínio dos partidos PSD e CDS (partidos do governo), mas também do PS, o outro partido que compõe o "bloco central" e que também já governou durante muitos anos. Nenhum destes partidos quer alterar a legislação das offshores. Nenhum deles aceita eliminar a existência deste mecanismo, que permite que a mais alta corrupção se efective e permaneça impune.

Saliente-se ainda que também a União Europeia (largamente composta por partidos semelhantes aos referidos) nada faz para impedir a fuga de dinheiro para contas offshore. Muito pelo contrário, a UE lesgisla em favorecimento deste mecanismo de fuga de capitais, de fuga aos impostos e da mais alta manigância que visa somente a ocultação da mais sórdida corrupção.

Vir - com toda a pompa e circunstância - falar de combate à corrupção e deixar a principal artimanha de fora é muito mais do que não querer fazer nada pelo combate à corrupção. É querer perpetuar o sistema corrupto vigente, no qual os principais partidos - aqueles que governam o país há 50 anos - se deleitam.

1 comentário

Comentar post