Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Portas lambe-botas

Paulo Portas foi de viagem ao México com uma comitiva de amigos para fechar uns negócios. Portas já não é ministro dos negócios estrangeiros há muito tempo e também não é ministro da economia, apesar de este lhe ser um fiel subordinado, mas ele jamais perderia uma oportunidade destas para se pavonear.

 

Então porque foi Portas ao México? Passear? Espairecer? Tentar vender o que sobra do país? Ou terá sido para fugir da troika?

 

Talvez tenha sido um bocadinho de tudo isto. Mas o que o senhor Portas queria mesmo era lamber as botas ao Sr. Carlos Slim (que de slim não tem nada, nem a carteira). Portas tem uma especial aptidão para lamber (botas, claro está) e quem melhor que o homem mais rico do mundo para bajular? O problema foi que o Sr. Slim, que deve ser um tipo muito ocupado, borrifou-se completamente para o Paulinho das feiras e, como era de esperar, não compareceu no jantar organizado pelo Portas.

 

Mas... acalme-se a seita seguidora do Sr. Portas! O homem não regressa desta viagem de mãos a abanar! Não foi possível lamber as botas mais ricas do mundo, dessas ele levou um chuto no traseiro, mas deu para lamber as botas de trolha do Sr. Mota que, há falta de melhor, será o garante do futuro de muitos, num futuro muito próximo. O cervejolas é bem capaz de ir lá parar... a ver vamos.

 

Que fique bem claro que eu não gosto nem do rico nem do roto, mas agradou-me saber que o rico cuspiu na cara do roto, que não tem outro objectivo senão tirar proveito pessoal à custa do seu país.