Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Resumo do Conselho de Ministros

- Passos Coelho entra na sala, já com a presença de todos os ministros, excepto a de Paulo Portas.

- Passos senta-se e diz: "Em primeiro lugar gostaria de dar os bons dias a todos os presentes...".

- Cristas interrompe-o dizendo: "Sr. Primeiro-ministro, olhe que o senhor vice-primeiro-ministro, o Sr. Dr. Paulo Portas ainda não chegou!"

- Albuquerque riposta: "Não faz mal! É melhor avançarmos senão não saímos daqui."

- Pires de Lima exalta-se: "Ou esperamos pelo Paulinho ou demito-me já!"

- Machete pergunta: "Alguém sabe onde se liga o computador?"

- Maduro e Moreira da Silva sentam-se na mesma cadeira e telefonam a Marques Mendes, dizendo que ainda há lugar para ele.

- Aguiar Branco, Miguel Macedo, Crato e Marques Guedes juntam-se para um poker (a dinheiro)

- Paulo Macedo faz de dealer.

- Paula Teixeira da Cruz diz que basta de impunidade.

- Mota Soares olha para todos sem pestanejar.

- Passos toma a palavra: "Bom, já estamos aqui fechados há cerca de 1 hora, pelo que sugiro uma pequena pausa nos trabalhos." Apenas uma indicação para não abandonarem as imediações da sala. "Não quero que pensem que aqui há lugar para cafezinhos e pândegas."

- Saem todos para pausar no corredor.

- Portas chega com 1h30 de atraso.

- Portas pergunta: "Mas que regabofe vem a ser este? Já não se pode ficar com a gravata presa na fotocopiadora, que é logo dia santo na loja?" E com ardor, berra: "Todos lá para dentro, já!"

- Passos é o primeiro a entrar e puxa a cadeira para Portas se sentar.

- Aguiar Branco, Miguel Macedo, Crato e Marques Guedes apressam-se a limpar a mesa de jogo. Aguiar branco recolhe as fichas, Macedo as cartas, Crato e Marques Guedes recolhem e dobram, com esmero, a toalha verde.

- Machete guarda o dinheiro no seu bolso.

- Cristas informa Portas que Albuquerque queria iniciar a reunião sem ele.

- Portas não aguenta e demite-se. Sai da sala e bate com a porta.

- Passos vai a correr atrás dele e implora-lhe que volte.

- Machete aproveita e saca a carteira a Passos.

- Portas diz que é irrevogável, a menos que Passos lhe prometa que o indicará para comissário europeu.

- Passos telefona a Cavaco; Cavaco diz que sim.

- Portas entra na sala de mãos dadas com Passos e este puxa a cadeira para Portas se sentar.

(Prossegue a reunião... já passaram 3 horas).

- Passos pede autorização a Portas para reconduzir os trabalhos.

- Portas pergunta ao ouvido de Pires de Lima e este diz-lhe que sim. Portas concede autorização a Passos.

- Passos diz a todos os presentes que é necessário aprovar o Documento de Estratégia Orçamental (DEO) e que todos os ministros presentes terão que contribuir com soluções.

- Machete consegue ligar o computador e verifica 129 e-mails, 352 tweets e 4824 posts, todos vindos de Aguiar Branco, Miguel Macedo, Crato e Marques Guedes perguntando-lhe pelo dinheiro do poker.

- Machete diz que não se lembra, que nunca jogou poker na vida e que não entende porque recebeu tantos e-mails, tweets e posts de gente que nem sequer conhece.

- Pires de Lima exalta-se e manda retirar todas garrafas de água do Luso e exige que se compre garrafas Vitalis.

- Cristas tem uma pequena discussão ao telefone sobre fraldas e papas.

- Machete aproveita para colocar as maozinhas dentro da carteira da ministra.

- Maduro e Moreira da Silva estendem uma toalha e fazem um piquenique em cima da cadeira. Telefonam a Marques Mendes a perguntar se quer aparecer. Mendes pergunta se há lugar para Rangel na cadeira.

- Paulo Macedo (ao telefone) manda cancelar todas as encomendas de algodão e gaze para os hospitais.

- Mota Soares passa os olhos pelo catálogo da Piaggio. Está tão compenetrado que nem pestaneja.

- Teixeira da Cruz recebe uma chamada telefónica do BCP e desabafa: "Basta de impunidade."

- Passos lembra todos os presentes que já se passaram 4 horas e que o restaurante tem hora de almoço marcada, pelo que devem apressar-se na apresentação de sugestões, para fechar o documento.

- Portas telefona para todas as empresas de sondagem e pede "dois dígitos” para o CDS-PP.

- Pires de Lima telefona para Leça do Balio e manda vir 40 cubas de super bock para as comemorações dos 40 anos do 25 de Abril. Do outro lado dizem-lhe que já é dia 28 de Abril, ao que Pires de Lima respondeu: "Então entreguem em minha casa."

- Machete aproveita a distracção de Pires de Lima e, sem hesitações, fana-lhe a carteira.

- Teixeira da Cruz recebe outra chamada da EDP, que lhe informa que a empresa prevê aumentar os lucros este ano e consequente redistribuição de lucros para os accionistas. Teixeira da Cruz sorri, manda beijinhos para Catroga e diz que basta de impunidade.

- Paulo Macedo envia um sms a cancelar todas as encomendas de compressas e betadine nos hospitais.

- Machete telefona a Dias Loureiro a perguntar se já tem tudo tratado com Relvas sobre as pendências com as ex-colónias.

- Passos ouve a conversa e diz que quer 20%, pois tudo o que vem de África interesa-lhe e que não há político mais africano que ele (nem Obama).

- Portas pergunta se os mares africanos têm profundidade suficiente para receber submarinos.

- Mota Soares termina de ler o catálogo da Piaggio e sem pestanejar, telefona para um concessionário da Audi e encomenda o novo A8.

- Maduro e Moreira da Silva terminam o piquenique e tentam puxar Marques Mendes (que se encontra às cavalitas de Rangel) para cima da cadeira.

- Desesperados com a perda do dinheiro do poker, Aguiar Branco, M. Macedo, Crato e Marques Guedes telefonam a Oliveira e Costa para tentar entalar Machete.

- Oliveira e Costa pede para aguardar e telefona a Cavaco...

- Albuquerque mira Portas de esguelha e diz que cortar 1400 milhões não chega. Sugere um swap e a privatização da EDP e da REN. Logo de seguida perguntou: "Quem sou?", "O que faço aqui?"

- Teixeira da Cruz levanta-se e diz que basta de impunidade.

- P. Macedo telefona a todos os hospitais públicos e Unidades de Saúde Familiar,  ordenando a proibição da entrada de doentes nestes locais.

- Maduro, Moreira da Silva e Marques Mendes divertem-se aos pulos em cima da cadeira.

- Rangel está sentado debaixo do acento, amuado e a fazer birra. Telefona a Durão Barroso e pergunta-lhe se ele tem alguma coisa a ver com o lugar que lhe atribuíram. Em todo o caso, exige a Barroso que lhe peça desculpa.

- Portas dá um murro na mesa e diz que Portucale é um caso perdido.

- Passos tenta corrigi-lo e diz: "o Dr. Portas quis dizer, Portugal...".

- Portas responde: "Portugal também."

- Duarte Lima telefona e acorda Machete. Diz-lhe que a PJ não descobriu o outro cofre que ele tem atrás da sanita. Machete suspira, mete a mão no bolso de Portas e volta a adormecer.

- Entretanto Teixeira da Cruz é informada que o caso BPN não avança porque os computadores que contêm o processo são arcaicos. A ministra abana a cabeça, diz que não há dinheiro para computadores novos e que basta de impunidade.

- Machete acorda em sobressalto e apodera-se da carteira da ministra.

- Passos liga o aparelho de videoconferência e diz: "Atenção! Temos a Sra. Merkel em linha".

- Levantam-se todos e, em uníssono, gritam: "Heil mein Führer!"

- Merkel diz: "Olha lá Coelho! Já te enviei por e-mail um documento com todos os cortes que tens que implementar, custe o que custar. É para obedecer sem perguntas. Fui!"

- A videoconferência durou apenas 88 segundos, tempo mais que suficiente para Machete fanar o cartão de crédito à Sra. Merkel.

- Passos pede autorização a Portas para concluir a reunião.

- Portas pergunta a Pires de Lima se autoriza e este diz que sim.

- Ao fim de 5 horas, Passos agradece o excelente contributo de todos para a elaboração do documento e informa a comunicação social que, em breve haverá uma declaração, logo que o documento seja traduzido de alemão para português.

- Passos informa que o almoço está prestes a ser servido, mas que Marques Mendes e Rangel têm que pagar do seu bolso.

- Saem todos para almoçar.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.