Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Rui Rio saiu do armário e ninguém deu conta

Numa entrevista à Antena 1, Rui Rio disse que “o principal objectivo do PSD para as próximas eleições legislativas é afastar o BE e o PCP do poder”.

 

Desde logo, importa salientar o facto de o líder do PSD assumir, clara e inequivocamente, que o principal objectivo do seu partido não é vencer as eleições, mas sim impedir que BE e PCP possam participar numa nova solução de Governo. Bom, toda a gente já percebeu que o PSD não tem a mínima chance de vencer as próximas Legislativas, contudo, creio que um líder nunca abdica de ter esse objectivo como algo primordial.

 

Não seria suposto Rio apontar todas as baterias ao actual Governo? Que para quem já não se lembra é composto apenas por um partido – o PS. Não seria suposto Rui Rio apontar como objectivo principal derrotar o PS e vencer as eleições?

 

Não. Rui Rio acha que não. O foco principal de Rui Rio é o BE e o PCP. E, assim como quem não queria dizer mas dizendo, com todas as letras, Rio apontou a possibilidade de um Governo formado pelo chamado “bloco central” (PS + PSD).

 

Ora, ora, ora. Rui Rio saiu do armário e deixou a nu, a verdade mais despida de todas, que é o seu desejo de formar um Governo de bloco central com o PS.

 

A razão pela qual ninguém deu grande importância às declarações de Rui Rio dever-se-á ao facto de toda a gente estar cansada de saber ao que vem o líder do PSD. É que mesmo tendo estado este tempo todo dentro do armário, o putativo suplente parceiro de Governo do PS tem estado em permanentes e eufóricos exercícios de aquecimento, pelo que era suposto que a qualquer momento as portas do armário se escancarassem.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.