Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

RAPIDINHA

“Stalin assinava um acordo secreto com Hitler. Nove dias depois, começava a II Guerra Mundial”. São os FdP (Fanáticos da Propaganda), uma vez mais, prostrados de quatro e levar com os bacamartes de Washington e a latir a sua propaganda. É verdade que Estaline assinou um acordo com Hitler, em Agosto de 1939. Mas em que consistiu esse acordo? E já que falam na II Guerra Mundial, como é que ela acabou? Não me digam que foi com o desembarque na Normandia… Ah! Os heróis da Normandia!

Todos a odiar Trump com muita veemência, sim?

Vá... todos juntos, mé... mé... mé...

29.09.23 | contrário | ver comentários (1)
Todos os dias (todos, todos, todos mesmo), a comunicação social (incluindo a nacional) não se cansa de engendrar “notícias” que levem a sua audiência a odiar Donald Trump com muita veemência. A mais recente tem a ver com o facto de Donald Trump ter faltado ao (...)

Costa à Esquerda vs. Costa à Direita

14.01.22 | contrário | comentar
Quem tem estado atento aos debates para as Legislativas certamente notou que existe um António Costa à Esquerda e outro António Costa à Direita. Há um António Costa que pinta um país de negro, quando está a debater com partidos de Esquerda, e depois há outro (...)

Uma pergunta para Costa e Ventura

08.01.22 | contrário | comentar
Uma vez que ambos se apresentaram muito interessados em abordar o tema da corrupção - no debate da passada quinta-feira -, por que razão nenhum dos dois atirou o nome de Luís Filipe Vieira para a fogueira?

Ventura vencerá sempre neste tema

07.01.21 | contrário | ver comentários (19)
Há um tema em que o André Ventura vence sempre. Trata-se da necessidade de rever e alterar o código penal. E por que razão Ventura vence neste tema? Porque os políticos que estão e estiveram no poder criaram as condições para que qualquer um se aventurasse numa (...)

A jogada parlamentar de Rui Rio

24.07.20 | contrário | ver comentários (4)
Parecem-me óbvios os objectivos de Rui Rio ao propor o fim dos debates quinzenais. Tal como disse José Sócrates (e com razão), Rui Rio não é grande orador. Os debates quinzenais não trazem grande vantagem à imagem de Rui Rio, muito pelo contrário. Rio não aprecia (...)

Debates solidários para Santana Lopes

16.12.17 | contrário | comentar
A menos de um mês da realização das eleições directas para escolher o futuro presidente do PSD, acentua-se a discussão em torno dos debates a realizar entre Santana Lopes e Rui Rio. Desde o primeiro momento que Santana Lopes mostrou interesse na realização de (...)

Vale a pena mentir?

19.09.15 | contrário | ver comentários (28)
Oh! Se vale. Valeu muito em 2011 e, para alguns, continua a valer. A julgar pelo eco feito nos órgãos de comunicação social, Passos Coelho "venceu" o segundo debate com António Costa, transmitido nas rádios Antena 1, TSF e Renascença. E não é que sai logo uma (...)

Mais um debate, mais uma tareia

11.09.15 | contrário | comentar
Passos Coelho voltou aos debates televisivos, desta vez para enfrentar Catarina Martins do Bloco de Esquerda. Como eu já esperava, Catarina Martins apresentou-se em muito bom nível e acabou por dar uma tareia em Passos Coelho, ainda a lamber as feridas de quarta-feira.   (...)

Quem acredita que Portas quer mesmo ir aos debates?

26.08.15 | contrário | comentar
Será que alguém acredita que Paulo Portas quer mesmo marcar presença nos debates? Alguém, no seu perfeito juizo, crê que este bandalho deseja o confronto directo com os seus opositores políticos. Alguma alma pura e inocente consegue ainda acreditar em qualquer coisa (...)

Mais uma jogada à Portas

05.08.15 | contrário | comentar
Paulo Portas apareceu em cena para efectuar mais uma jogada das suas, daquelas que consegue iludir os mais incautos e os absolutamente crentes.   Em causa está a polémica sobre os debates televisivos, a decorrer durante a próxima campanha eleitoral. E no centro da (...)