Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

RAPIDINHA

A cotação do petróleo continua em queda, mas os combustíveis vão aumentar. Porquê? Porque sim. Além disso, o Euro2024 está a começar e andam todos distraídos a bater palmas ao autocarro da selecção... portanto, é uma boa altura para aumentar os preços.

"Um pouco" redutor, não acha Sr. Presidente?

20.03.23 | contrário | ver comentários (2)
Marcelo Rebelo de Sousa exorta para que Rui Nabeiro seja “um exemplo para todos quantos podem devolver à sociedade um pouco daquilo que esta lhes deu”. Mas, não se ponham com ideias mirabolantes. Marcelo encoraja para que se dê “um pouco”, apenas “um pouco”, (...)

Há ucranianos a viver na rua?

24.10.22 | contrário | ver comentários (5)
Este casal septuagenário foi despejado da casa onde vivia há vários anos, sob a desculpa de que o edifício onde vivia iria ser submetido a obras, no sentido de transformá-lo num hotel. O casal encontra-se a viver há dois meses na rua, em Lisboa. Alberto, de 75 anos e (...)

A solidariedade dos "donos" do Ocidente

05.04.22 | contrário | comentar
A dívida externa da Ucrânia ultrapassa os 100 mil milhões de dólares. Como bem sabemos, a esmagadora maioria da dívida externa dos países é para com algumas instituições financeiras internacionais, bancos e fundos de investimento, sendo que uma boa parte da (...)

Onde pára a solidariedade (e moralidade)?

08.04.20 | contrário | ver comentários (6)
Tenho ouvido e lido muita gente a dizer que esta pandemia tem servido para trazer o melhor das pessoas e instituições ao de cima, que a crise que atravessamos nos vai deixar mais unidos que nunca, mais solidários, mais iguais. Será mesmo verdade? Eu estou disposto a (...)

A desgraça une, mas também expõe

23.03.19 | contrário | ver comentários (3)
A tragédia em Moçambique é um daqueles problemas que não deixa ninguém indiferente. O país, mais concretamente a região da Beira, atravessa uma enorme catástrofe humanitária causada pela passagem do ciclone Idai.   Não há dúvida de que aquelas pessoas (...)

Refugiados: solidariedade ou negócio?

16.11.15 | contrário | comentar
Depois dos recentes atentados ocorridos em Paris, volta à ordem do dia a questão da integração dos refugiados na Europa.   Eu acho que devemos acolher todos aqueles que vêm por bem (certamente a esmagadora maioria), e que estão a fugir dos mesmos que perpetraram os (...)