Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

“Tivemos pouca cautela e fomos demasiado optimistas…”. WHAT?

cdc_rochelle_walensky.jpg

A directora do CDC (Centers for Disease Control and Prevention) – a entidade que comandou todas as principais decisões durante a pandemia -, Rochelle Walensky disse que quando surgiram as vacinas contra a Covid-19, com uma taxa de eficácia de 95%, todos ficaram muito entusiasmados em poder ajudar a resolver a situação e, por essa razão, a decisão foi a de avançar imediatamente com as vacinas. E acrescentou que, também por essa razão, ou seja, pela pressa, “todos tivemos pouca cautela e fomos demasiado optimistas”.

A senhora Rochelle Walensky foi ainda mais longe ao dizer que na altura “ninguém falou na diminuição” da eficácia das vacinas, ou que as vacinas não iriam ser tão eficazes nas variantes seguintes.

Pois, pois. A resposta que deve ser dada à senhora Rochelle Walensky é: Bullshit! Inúmeros cientistas e médicos fartaram-se de questionar o assunto – segurança e eficácia das vacinas - e insistiram para que se actuasse com maior precaução. Dúvidas que foram levantadas com base em estudos científicos e nos dados disponíveis na altura. A verdade é que essas pessoas foram completamente ignoradas pelo “poder estabelecido” e, pior que isso, foram silenciadas, enxovalhadas pelos seus pares e até mesmo excluídas de participar no processo científico.

E muitos daqueles que tentaram fazer chegar as suas preocupações ao mundo, através da Internet – sobretudo, através das redes sociais – viram as suas contas canceladas, sob o pretexto de que andavam a espalhar desinformação. Foi exactamente isto que aconteceu.

E agora a senhora todo-poderosa do CDC vem-nos dizer que ninguém colocou qualquer questão ou dúvida sobre a segurança e eficácia das vacinas? E que todos ficaram tão entusiasmados que nem se lembraram de fazer as coisas como deviam? Ou seja, com mais cautela. Bullshit!

A senhora Rochelle Walensky só fala verdade em relação a uma coisa – em relação ao facto de terem ficado muitíssimo entusiasmados com a possibilidade de empurrar as vacinas para dentro das pessoas. Já relativamente à segurança e à eficácia das mesmas, isso parece ter assumido pouca importância na decisão.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.