Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Contrário

oposto | discordante | inverso | reverso | avesso | antagónico | contra | vice-versa

Toupeira fez penálti em Setúbal

No passado Sábado, o Benfica venceu o Vitória de Setúbal com um penálti assinalado já no período de descontos. Tratou-se de um lance à entrada da área, em que o árbitro Luís Godinho considerou que o jogador do Vitória, Luís Felipe, cometeu falta sobre Sálvio. Curioso o facto de um lance de características idênticas, mas na área contrária, não ter tido o mesmo julgamento por parte do árbitro.

 

Este lance que acabou por dar a vitória ao Benfica é daqueles que dão sempre muito que falar. É penálti! Não é penálti! Talvez, depende do critério do árbitro. Enfim, há opiniões para todos os gostos. Só não achei estranho que a comunicação social, em geral, não tenha dado muita importância a este lance.

 

Eu, que vi e revi o lance milhões de vezes, não consegui vislumbrar qualquer infracção cometida pelo jogador do Vitória de Setúbal, até que reparei num pormenor que poucos terão visto, mesmo após milhões de repetições. Esqueçam os braços, os eventuais empurrões, puxões, etc. Atentem no relvado e verão que, aquando da entrada de Sálvio na área, há uma toupeira dissimulada que sai do chão e derruba o jogador do Benfica. É penálti claríssimo!

 

Pode haver VAR e toda a tecnologia de ponta que existe no mundo, mas nunca deixarão de existir estes lances, que permitirão que alguns árbitros recorram apenas ao “intensímetro” encarnado, verde ou azul que levam no bolso.